periodo-de-ferias-como-se-preparar-para-uma-epoca-morna-no-comercio.jpeg

Para muitas pessoas, as férias de final de ano não significam descanso e tranquilidade. Muitos comerciantes, por exemplo, sofrem com uma queda substancial em seu faturamento na época das férias. Com as crianças em recesso, não são poucos os pais que aproveitam para deixar a cidade, deixando o comércio local mais vazio. 

Bons gestores devem prever momentos de oscilação no movimento de clientes e se preparar para tais momentos. Neste post vamos abordar algumas atitudes que podem ser tomadas para se preparar para as férias e a sua tradicional queda de movimento. Confira: 

1. Movimente a clientela com promoções

Se o movimento caiu, é melhor pensar em algo para atrair a clientela remanescente para sua loja. Uma boa maneira é aproveitar o início do ano para fazer liquidações pós-natal. Essas promoções têm duas boas funções: a de atração e a de movimentação das peças que sobraram no estoque.

No começo do ano, muitas empresas renovam suas vitrines e isso significa que é preciso dar cabo do que ainda não foi vendido. Uma boa ideia é fazer promoções relâmpago de 24 horas de duração. Assim, alterando os produtos com desconto, você traz diferentes clientes com diversas necessidades para a sua loja.

2. Aposte no e-commerce

Se os seus clientes não estão na cidade, isso não significa que você não possa vender para eles. Ao ter um site e uma plataforma para comércio eletrônico, o lojista rompe a barreira geográfica e deixa sua loja aberta 24 h por dia.

Vale a pena investir em uma loja virtual, pois o comportamento de consumo dos brasileiros denota franca ascensão das compras online!

3. Comunique-se

Mantenha sua marca sempre em alta. Para fazer isso, é preciso investir um tempo para se comunicar, principalmente na internet. Aproveite as redes sociais e use a página da sua loja para entrar em contato com os clientes, reafirmar os horários de funcionamento e divulgar as promoções.

4. Faça um planejamento anual

Para não passar dificuldades nas épocas de menor movimento, é fundamental que o gestor opere as finanças de modo a fazer uma reserva estratégica para esses momentos. Esse procedimento garante mais tranquilidade e menos pé no freio durante momentos de queda nas vendas.

5. Férias coletivas: o que fazer?

Alguns estabelecimentos fecham suas portas após o fim do Natal e só reabrem quando passa o ano novo. Se esse é o seu caso, lembre-se de que é preciso tomar algumas providências para cuidar bem do seu comércio durante esse período. 

Reforçar a segurança é fundamental, então opte por alarmes e travas que impeçam a invasão de criminosos. Se a sua loja tem uma vitrine grande, o ideal é manter o estoque bem protegido. 

Além das precauções com segurança, é interessante também avisar a sua clientela. Utilize-se dos canais de comunicação para divulgar aos seus clientes o momento de parada das atividades, assim você evita a decepção de encontrarem as portas fechadas. 

Essas são algumas dicas que podem ser úteis para os lojistas enfrentarem os momentos de marasmo ocasionados pelas férias de final de ano. Siga a Lista Mais e fique por dentro de mais informações novidades para gerir melhor o seu negócio!

Escrito por listamais