gestao-de-financas-entenda-a-importancia-do-controle-financeiro.jpeg

Depois de anos de muito estudo e trabalho, finalmente você conseguiu seu objetivo: abriu sua própria empresa. Muita gente sonha em tornar-se dono do próprio negócio, vivendo daquilo que sabe fazer bem. Mas ser um empreendedor envolve muitas atividades que vão além daquilo que você imaginava. Dentre elas, está a gestão de finanças.

A saúde financeira da sua empresa passa pelo rigoroso e metódico controle das finanças. E é esse controle que vai garantir a sua tranquilidade para que você possa manter o foco do seu negócio naquilo que você planejou para ele. Afinal de contas, se você conseguiu se tornar empresário, certamente precisou destinar uma grande parte de seus recursos para cumprir esse objetivo, não é mesmo?

Neste artigo vamos falar sobre os benefícios de se fazer uma boa gestão de finanças e sobre como ela pode auxiliá-lo na perpetuação do seu negócio.

Controle financeiro

O controle financeiro é a coordenação de atividades e a constante avaliação das condições financeiras da empresa. Ele pode ser realizado por meio da confecção constante de relatórios elaborados com base em dados patrimoniais e também na situação do fluxo de caixa.

O empresário que possui um bom controle financeiro da sua organização sabe qual é a verdadeira situação da empresa e pode direcionar seus esforços para a solução dos problemas. Além disso, para quem trabalha com planejamentos anuais, o controle financeiro ajuda a realizar um planejamento correto, calcado em situações mais reais, que não levarão a organização a correr riscos no futuro.

Também é importante ressaltar que, por mais que se faça um controle financeiro rígido, a empresa precisa se preparar para imprevistos. Portanto, faz parte da gestão a previsão de valores que devem ser colocados como emergenciais, em conta separada, para serem usados em momentos de necessidade.

Fluxo de Caixa

O fluxo de caixa é o controle diário das receitas recebidas e das despesas realizadas pela empresa. Ele deve ser feito para a empresa como um todo, mas é possível adotar fluxos de caixa para projetos específicos, dependendo da sua área de atuação.

Trata-se de uma gestão fundamental para o controle financeiro, pois refere-se objetivamente sobre a saúde da empresa. Qualquer desequilíbrio no fluxo de caixa certamente significa que algo não vai bem na parte financeira da sua empresa.

Atualmente existem softwares capazes de realizar o controle financeiro da empresa em tempo real, oferecendo a oportunidade de acompanhamento pela tela do celular ou pelo tablet. O auxílio da tecnologia é fundamental para a realização desse controle.

Finanças pessoais x Finanças da empresa

Um erro comum na gestão do fluxo de caixa é a mistura das finanças pessoais com as da empresa. Muitas vezes o empresário utiliza o seu próprio dinheiro na empresa, ou faz uma retirada extra no caixa para suprir as necessidades da casa. 

Parece bobagem, mas fazendo isso você acaba impactando o balanço financeiro do negócio, pois mascara resultados e produz situações irreais que podem levar a interpretações equivocadas.

A importância da gestão financeira no futuro da empresa

Como já dissemos, empresas que não possuem uma boa gestão financeira tendem a desaparecer em pouco tempo. Isso porque o empresário acaba apostando em projetos com pouco retorno financeiro, ou porque não é capaz de prever em quais meses ele deve tomar mais cuidado e em quais pode realizar investimentos.

Portanto, se a sua empresa tem dado sinais de pouca saúde financeira, comece já a mapear os seus custos para que o seu negócio se perpetue no mercado.

Então, gostou desse post? Então participe, deixando seu comentário abaixo!

Escrito por listamais